terça-feira, 5 de março de 2013

Bastidores do clipe da Sandy: “Aquela dos 30”

  Sandy agora é literalmente "Aquela dos 30”. A música, single atual da cantora, é uma prévia de um álbum inédito que será produzido ainda este ano. O videoclipe foi dirigido pelo mineiro Conrado Almada, e lançado no final de 2012.

  Depois de percorrer o país com a turnê do seu primeiro trabalho solo, o CD e DVD Manuscrito, Sandy voltou a compor e assina “Aquela dos 30”.

  A canção retrata, de uma maneira bem-humorada, os anseios e as incertezas de uma fase na qual a maioria das pessoas vive um dilema relacionado à idade: ainda sou jovem ou já sou velho?

  O conceito utilizado no clipe foi de memória da trajetória pessoal e artística da cantora, por meio de fotografias em sobreposição, em um ambiente retrô, permeado de elementos clássicos.

  “Trabalhar com a Sandy é sempre uma grande oportunidade. Acontece uma troca enorme, pois, além de ser participativa e aberta para ser dirigida, ela entende bastante de câmera, posicionamento e marcação”, explica Conrado. Ele ainda adiantou que novos trabalhos em parceria com a artista virão em breve.


  O clipe foi gravado em apenas um dia, na cidade de Belo Horizonte.

  Aconteceu nos intervalos das filmagens do longa Quando Eu Era Vivo, dirigido por Marco Dutra (co-diretor de Trabalhar Cansa). O filme é baseado no livro A Arte de Produzir Efeito sem Causa, de Lourenço Mutarelli. Sandy também é responsável pela trilha sonora.

  Como a agenda da cantora estava bastante atribulada, segundo o diretor Conrado Almada, o clipe foi gravado em tempo recorde – , apenas quatro horas de filmagens em estúdio.

  “Foram três dias de preparação, produção de arte e montagem de cenário. Ensaiamos com uma dublê, que marcava todas as posições da Sandy, para que, quando fossemos gravar, conseguíssemos realizar tudo com máxima agilidade e perfeição”, explica o diretor.

  A ideia de clima retrô do clipe e toda sua estrutura, baseada em fotografias antigas, partiram da própria cantora, juntamente com Conrado Almada. Eles já haviam trabalhado juntos no clipe “Quem eu sou”, do seu disco anterior.


  “As reuniões que eu tinha com a Sandy eram todas via Skype. Pedi a ela que me enviasse algumas fotos de seu arquivo pessoal, e ela mandou mais de 300 imagens”, conta o diretor, que utilizou todo esse material na criação de um imenso painel.

  Em uma sequência de sobreposições de imagens, o vídeo contou com a participação de Xororó e Mariazinha (pai e avó da cantora, respectivamente).

  Os atores que participaram do clipe – Fernanda Paes Leme, Bruna Thedy e Douglas Aguillar – são amigos da Sandy desde as gravações do seriado global Sandy e Junior, exibido de 1999 a 2002. Já a atriz Fernanda Rodrigues, contracenou com a cantora na novela Estrela Guia, de 2001.

  O clipe ainda contou com a inusitada participação da cadelinha Zelda. Da raça Papillon, a pet, que é da própria Sandy, recebeu esse nome em homenagem a uma personagem do game favorito de Lucas Lima, marido da artista.

  A maioria dos 80 objetos antigos utilizados no cenário do clipe foi alugada em um antiquário de Belo Horizonte. A cantora surpreendeu-se tanto com o resultado da produção de arte, que, além de fotos pessoais, ainda realizou todo o ensaio gráfico do seu site e materiais de divulgação ali mesmo, com o fotógrafo mineiro, Weber Pádua.


  Henrique Mello, responsável pela maquiagem “estilo romântica” que a cantora usou em seu casamento e de todo o look do álbum Manuscrito, foi quem assinou o make-up produzido no clipe.

  Já o figurino utilizado na gravação, foi produção da personal stylist da Sandy, Picida Gonçalves, que cuida também do guarda-roupa da cantora Maria Rita.

  A ideia do clipe teve tanta repercussão, que surgiram na internet diversas versões do vídeo, que os fãs filmavam e editavam eles mesmos, com seus arquivos de fotos pessoais em locações marcantes.

  Conrado Almada também dirigiu outros clipes famosos, como “Sutilmente”, do Skank; “Como se Sente”, do Capital Inicial; “Vem Andar Comigo”, do Jota Quest; e “Frio”, da Monique Kessous.

Veja aqui o making of da música:



Assista ao clipe oficial “Aquela dos 30”:



Fonte: Saraiva