terça-feira, 9 de outubro de 2012

Em entrevista à Folha de São Paulo, Sandy conta que se sente uma 'balzaquiana quase aposentada'

Cantora, que está prestes a completar 30 anos, falou dos 22 anos de carreira


  Em entrevista publicada neste domingo (07), no Jornal Folha de São Paulo, Sandy confessou que se sente uma verdadeira ‘balzaquiana quase aposentada’, por conta dos 22 anos de carreira e dos 30 anos de idade chegando. ''Vou fazer 30 anos. Sei que sou jovem, mas tenho 22 anos de carreira. E já vivi de tudo, já experimentei de tudo. Já trabalhei com a gravadora pressionando, com aquela responsabilidade em relação ao público. Já vendi muito. Daqui para frente acho que me sinto muito livre. E esse filme faz parte dessa fase. De balzaquiana quase aposentada'', contou a cantora que será protagonista do filme Quando Eu Era Vivo, onde vai atuar com Antônio Fagundes.

  Sandy ainda contou que, com a idade, aprendeu a lidar melhor com a imprensa. "Antigamente, ficava muito chateada. Vejo mais coisa errada sobre mim do que reportagens que seguem à risca o que digo. Já vi matérias inteiras inventadas'', disse.

Fonte: Contigo!