terça-feira, 16 de novembro de 2010

Sandy afirma não ser perfeita: 'Eu não tenho nada de bonequinha'


Sandy sempre teve imagem de boa moça. Quando começou a carreira, aos 7 anos, era uma criança carismática. Depois, passou por uma adolescência sem rebeldia alguma e se tornou uma mulher sem defeitos, ao menos diante dos olhos do público. Por isso, com 20 anos de carreira, Sandy carrega a imagem de boa moça, de uma bonequinha. Mas agora, prestes a estrear a sua primeira turnê solo, “Manuscrito”, a cantora desconstrói toda essa imagem de pureza.

— Isso é só um estereótipo que foi criado e que não corresponde à verdade. Não é nada disso! As pessoas não me acompanham 24 horas. Eu não tenho nada de bonequinha, não sou perfeitinha — dispara Sandy, que mostra ser como qualquer outra mulher: — Todos nós somos formados por várias facetas e eu tenho várias características. Eu também tenho problemas, choro, sinto raiva, mas sou feliz. Tenho personalidade forte e sou determinada. Nessa carreira não dá para ser muito bobinha, não! Não sou frágil como imaginam, é que engano porque sou pequenininha.

Ansiosa para o seu debute sozinha nos palcos, que vai acontecer nesta sexta-feira, em Curitiba (o show no Rio é dia 28, no Vivo Rio), Sandy tem ganhado uns quilinhos.

— Eu acabo comendo mais doce e a qualidade do sono piora também! Espero dormir bem na véspera do show porque isso interfere na voz. Lucas (Lima, o marido) também me ajuda, trocamos muitas ideias — conta ela, que admite sentir falta do irmão, Junior, ao seu lado: — Foram 17 anos dividindo o espaço e a responsabilidade, vai demorar para me acostumar. Mas é uma saudade boa de ter.

Aos fãs da dupla, que agora acompanham a carreira solo da cantora, ela adianta que cantará sucessos que marcaram a parceria, mas faz mistério sobre as canções escolhidas:

— Quando eu estava pensando na turnê, não sabia ainda se ia cantar músicas da dupla, mas foram tantos pedidos que não tinha como não atender. Vai ser gostoso recordar, faz parte da minha história. Será uma surpresa para os fãs!

Além das inéditas do CD solo, “Manuscrito”, e dos sucessos, Sandy fará releituras de artistas que admira, como Marisa Monte e Legião Urbana.
Fonte: Extra Online